O que você precisa saber sobre a mão simiesca!

Com certeza você já observou as linhas da palma da sua mão.

A mão simiesca é caracterizada por uma única linha que percorre toda a extensão da palma da mão.

Indivíduos com essa característica podem ser perfeitamente saudáveis e a existência de um doença está sempre associada a outros sintomas.

Neste texto você compreenderá o que é a mão simiesca, também conhecida como prega simiesca, suas características e sintomas.

Acompanhe a leitura!


Tipos de pregas da mão

Normalmente, as pessoas têm três linhas (pregas) na palma da mão.

São elas:

  • Prega palmar transversal distal: linha que se inicia próximo ao dedo mindinho.  Está localizada na parte superior da palma da mão.
  • Prega transversal tenar: está situada no meio da palma da mão, percorrendo verticalmente toda a sua extensão.
  • Prega palmar transversal proximal: está posicionada entre as duas outras pregas.

A presença de uma única linha na palma da mão é denominada como prega palmar transversal única.

Através da dermatoglifia (estudo científico das impressões digitais) observa-se que a prega palmar transversal única acomete com maior frequência os homens e ambos os gêneros podem apresentá-la nas duas mãos.

Estudos demonstram que a prevalência da mão simiesca é de, aproximadamente, uma em cada trinta pessoas, sendo que os homens têm duas vezes mais probabilidade de manifestar esta condição.


Causas da mão simiesca

A mão simiesca é formada durante o desenvolvimento do bebê no útero da mãe.

Isso ocorre no primeiro trimestre da gestação quando se formam as pregas palmares.

Entretanto, nem sempre é possível identificar a causa da formação da mão simiesca!

E sabe por que?

Porque esta condição não é incomum e a maioria das pessoas que possuem a mão simiesca são saudáveis e não apresentam nenhum adoecimento associado.

Por outro lado, a mão simiesca pode ser um sintoma ou um sinal de uma doença preexistente.

mão simiesca

Doenças associadas à mão simiesca

As principais doenças relacionadas à mão simiesca são:

  • Síndrome de Down;
  • Síndrome de Patau (Trissomia 13);
  • Síndrome de Cohen;
  • Síndrome de Alcoolismo Fetal;
  • Síndrome de Aarskog-Scott;
  • Disgenesia Gonadal;
  • Síndrome do miado do gato (Síndrome Cri-du-Chat).

Dentre as doenças mencionadas, a Síndrome de Down é a mais conhecida por apresentar a mão simiesca como um sintoma.

Vamos saber mais sobre isso!


Síndrome de Down

A Síndrome de Down (ou trissomia do cromossomo 21) é uma alteração genética ocasionada por um erro na divisão celular durante a fase embrionária.

Assim, indivíduos com essa síndrome tem três cromossomos no par 21 em vez de dois.

Esta é a síndrome de alteração genética mais comum nas populações e possui características marcantes.

Veja:

  • Olhos oblíquos, rosto redondo e orelhas pequenas;
  • Estatura mais baixa do que a população normal;
  • Tendência à obesidade e ao desenvolvimento de doenças endócrinas;
  • Deficiência intelectual que compromete a aprendizagem;
  • Dificuldades motoras causadas pela hipotonia (tônus muscular enfraquecido);
  • Dificuldade no desenvolvimento da linguagem e fala comprometida;
  • Cardiopatia congênita;
  • Problemas de audição e visão;
  • Alterações na coluna cervical;
  • Mãos menores com dedos mais curtos e presença de prega simiesca.

A presença da mão simiesca em portadores de síndrome de down é comum.

 Síndrome de Down

Mão simiesca como sinal de adoecimento

Um bebê com uma única linha na palma da mão pode apresentar outros sintomas de alguma doença específica.

A prega palmar transversal única por si só não caracteriza um adoecimento e está sempre associada a outros sinais ou fatores para o diagnóstico de uma síndrome.

Dessa forma, é imprescindível a avaliação médica para investigar a existência de outras características e sintomas.

Avaliação médica da mão simiesca

O diagnóstico é realizado através de uma anamnese detalhada, avaliação clínica e análise dos antecedentes familiares.

Exames adicionais podem ser necessários para confirmar ou refutar hipóteses diagnósticas.

Veja alguns pontos que podem ser abordados durante a avaliação médica:

  • Antecedentes familiares de síndrome de down ou outra patologia genética com característica marcante da prega palmar transversal única;
  • Investigar se há outros membros da família que possuem uma única linha na palma da mão;
  • Como foi o período gestacional, a realização do pré-natal e possíveis complicações durante a gravidez;
  • Existência de outros sinais ou sintomas que indicam alguma doença ou condição específica;
  • Histórico médico do bebê e se há a prega palmar transversal única na outra mão também;
  • Uso de medicamentos e outras doenças não relacionadas diretamente à mão simiesca.

Se durante a avaliação o médico suspeitar de um quadro clínico associado à mão simiesca, poderá solicitar exames específicos ou realizar encaminhamento para um médico geneticista.

avaliação médica

É possível ter mão simiesca e ser perfeitamente sadio?

Sim!

A prega palmar transversal única tem incidência relativamente comum, sendo que a maioria das pessoas que apresentam este sinal é perfeitamente saudável, sem qualquer adoecimento.

Mas preste atenção!

Como a mão simiesca pode ser indício de uma doença mais grave, observe se há outros sintomas presentes.

Em caso de dúvida, busque ajuda especializada.

O diagnóstico precoce é o melhor caminho para o tratamento das doenças.

 Então observe!

A partir desta leitura você conheceu o que é a mão simiesca, suas causas, possíveis doenças relacionadas e a importância da avaliação médica.

A presença deste sinal não tem um tratamento específico, uma vez que não afeta a saúde e o bem-estar do indivíduo.

Lembre-se que a prega palmar transversal única sempre está associada a outros sintomas para caracterizar a existência de uma patologia.

Em caso de dúvida, consulte um médico.

Estamos à disposição para atendê-lo!

Referências

Dra. Celia Yunes Portiolli

CRM-SP 27971 / RQE 5148 – 19469 Médica Pediatra e Especialista em Acupuntura Área de Atuação em Dor pela AMB (Associação Médica Brasileira), Coordenadora do Curso de Especialização em Acupuntura do CEIMEC – Centro de Estudo Integrado em Medicina Chinesa Médica colaboradora do Ambulatório de Acupuntura do Centro de Dor da Neurologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

Compartilhe Esse Conteúdo
Facebook
Twitter
LinkedIn
Dra. Celia Yunes Portiolli

Dra. Celia Yunes Portiolli

CRM-SP 27971 / RQE 5148 – 19469 Médica Pediatra e Especialista em Acupuntura Área de Atuação em Dor pela AMB (Associação Médica Brasileira), Coordenadora do Curso de Especialização em Acupuntura do CEIMEC – Centro de Estudo Integrado em Medicina Chinesa Médica colaboradora do Ambulatório de Acupuntura do Centro de Dor da Neurologia do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP.

Últimos Posts

newsletter

Receba Novidades Por E-mail

Deixe um Comentário

Postagens Relacionadas

Como evitar queloides

Como evitar queloides?

Queloides são crescimentos dérmicos benignos que surgem através da cicatrização anormal de feridas em resposta a traumas ou inflamações anteriores da pele.  O desenvolvimento de

Continue Lendo
Pupila Dilatada

O que é Pupila Dilatada? Entenda!

A pupila, uma estrutura de grande importância em nosso sistema visual, apresenta complexidade em sua constituição. Seu tamanho varia em resposta a três categorias distintas

Continue Lendo
categorias

Pesquise por Categoria

Urologia

Sintomas

Reumatologia

Radiologia

Psiquiatria

Psicologia

Pediatria

Otorrinolarigonlogia

Ortopedia

Oncologia

Oftalmologia

Nutrição

Notícias

Neurologia

Neurocirurgia

Nefrologia

Medicina Esportiva

Mastologia

Infectologia

Ginecologia e Obstetrícia

Gerontologia

Geriatria

Gastroenterologia

Fisioterapia

Fisiatria

Farmácia

Endocrinologia

Educação Física

Dor

Doenças

Dermatologia

Curiosidades

Clínica Médica

Cirurgia Vascular

Cirurgia Plástica

Canabidiol

Biomedicina

Artigos

Alergia

Acupuntura

newsletter

Receba Novidades Por E-mail